Serra concede abono e aumenta tíquete alimentação de servidores

A prefeitura da Serra vai conceder em janeiro de 2022, abono de um salário mínimo (R$ 1210,44) para todos os servidores, ativos e inativos.

São cerca de 13 mil funcionários públicos que vão receber o adicional, sendo que os mil profissionais da saúde recebem ainda em dezembro de 2021.

Além do abono, o tíquete alimentação dos servidores terá um aumento de 50%, passando dos atuais R$ 350 para R$ 525. Assim, no final de um ano, os servidores receberão um acréscimo de R$ 2.100.

O Projeto de Lei com a concessão do abono e o aumento do tíquete alimentação será encaminhado para a Câmara de Vereadores da Serra nos primeiros dias de 2022. Em caso de aprovação imediata, uma folha suplementar será gerada para pagar os servidores ainda na primeira quinzena de janeiro.

Para realizar o pagamento dos servidores inativos, a prefeitura da Serra irá fazer o envio dos valores para o Instituto de Previdência da Serra (IPS).

O prefeito da Serra, Sergio Vidigal afirmou que o abono é uma forma de premiar os servidores pelo ano de trabalho. “Todos os servidores precisam ser reconhecidos de forma igualitária. O aumento do tíquete alimentação é um benefício definitivo para os servidores”.

Vidigal disse, ainda, que o investimento para honrar com o abono dos servidores é da ordem de R$ 16,7 milhões. Já o valor destinado ao aumento do tíquete gira em torno de R$ 20 milhões ao ano.