Em frente à casa do governador, manifestantes pedem fim do lockdown em Brasília

As medidas de isolamento social, anunciadas pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), fez com que uma multidão tomasse conta das ruas neste domingo, 28 de fevereiro.

Nem mesmo chuva impediu os manifestantes de realizar um ato contra o lockdown em frente à casa do governador.

As novas restrições impostas começaram a valer à 00h01 deste domingo (28) e terão a duração de 15 dias.

Insatisfeitos com as recentes decisões do governo distrital, empresários e comerciantes de Brasília se mobilizaram na manhã de hoje e prosseguiram em caminhada até chegar em frente à casa do chefe do Executivo local, no Lago Sul.

Com apitos, bandeiras do Brasil, cartazes e faixas, os manifestantes de diferentes setores produtivos pediam o fim do decreto. Diversos cartazes diziam: “não suportamos outro lockdown”, “governador, o comércio sangra”.

“Fora, Ibaneis! Queremos trabalhar!”, gritava a multidão.

Os organizadores e a Polícia Militar não informaram o número de participantes até o fechamento desta matéria.