Cirurgia pediátrica: Prefeitura da Serra avança para zerar mais essa fila de espera

A soma matemática envolvendo atenção à saúde e resposta rápida às demandas só pode resultar em “investimento na saúde do munícipe”, como defende o prefeito do Serra, Sergio Vidigal.

E é justamente o que tem acontecido, através das ações realizadas pelas equipes da Secretaria de Saúde. A cirurgia de hérnia em crianças é uma delas, e já está a todo vapor, em uma parceria do município com o governo do Estado.

Essa é uma demanda antiga, que o diga a dona de casa Liliane Elias dos Santos, 23 anos. Ela, que mora com a família em Planalto Serrano, é mãe do pequeno Thomas, de três anos, que aguardava, por três anos, pela retirada da hérnia umbilical, descoberta desde quando a criança tinha um mês de vida.

“Como ele foi crescendo, a hérnia foi ‘murchando’, mas ainda estava bem grande, causando dores quando ele corria muito, pegava peso, até quando ele comia. Ele dizia: ‘mamãe, dor na barriga’”, conta.

Mas, desde o último dia 09, todo esse relato ficou no passado, já que o pequeno Thomas foi operado e está em casa, assim como seis outros pacientes também contemplados pelo serviço.

A Saúde da Serra não só objetiva zerar essa fila em até dois meses, mas também oferece meios para que os pacientes e suas famílias recebam o atendimento.

Considerando a dificuldade de ter esses leitos para cirurgia eletiva e sabendo que no Hospital Materno Infantil Francisco de Assis (HIFA) havia algumas vagas ociosas, a Secretaria da Saúde a Serra, por meio da sua gerência de Regulação de Vagas, organizou, junto com seu transporte sanitário e o governo do Estado, a ida e volta desses pacientes e seus acompanhantes até Guarapari, onde é realizada uma consulta médica e marcada a cirurgia.

De lá, eles seguem com o encaminhamento para a realização dos exames preparatórios para o procedimento, agora, feitos na rede de saúde da Serra. Tanto no dia da cirurgia quanto no da alta hospitalar, novamente, a criança e seu acompanhante são levados pelo carro da rede de saúde.