Cliente do Bandes pode usar dinheiro do FGTS para quitar parcelas em atraso

06-09-2019   Redação Imprimir

A partir deste mês de setembro, os trabalhadores capixabas podem sacar até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).  Com o dinheiro extra em caixa, clientes do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) com parcelas em atraso têm uma boa oportunidade para regularizar sua situação financeira junto ao banco.

 

Com o recurso do FGTS, clientes do Bandes, pessoas física ou jurídica, com parcelas de contrato de financiamento em atraso junto ao banco podem aproveitar e aderir à nova campanha com condições especiais de renegociação promovida pelo banco.

 

A utilização do valor do FGTS para regularização de dividas deve ser uma prática entre os sacadores. De acordo com dados de uma pesquisa realizada pela XP Investimentos em conjunto com o Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), 41% dos beneficiados pretendem usar o dinheiro para pagar dívidas.

 

Campanha para regularizar situação financeira

 

O Gerente de Recuperação de Crédito do Bandes, Carlos Magno Rocha de Barros, destaca um dos objetivos do banco é de colaborar com o planejamento financeiro de sua clientela. Por isto, a campanha de regularização do Bandes dá a oportunidade ao cliente de elaborar uma proposta de pagamento condizente com a disponibilidade financeira, com parcelamento e descontos.

 

“O Bandes busca alternativas para que o empreendedor possa resgatar sua capacidade financeira. O cliente que não tiver todo o recurso disponível para saldar sua dívida em uma única parcela poderá parcelar até dezembro de 2020. Caso ainda não seja possível a quitação até 2020, o Bandes disponibiliza outras soluções para renegociar contratos”, explica Carlos Magno. 

 

A renegociação surge do próprio cliente: ele faz sua proposta de renegociação nos canais de atendimento e a equipe técnica do banco a verifica e apresenta a melhor solução financeira para atendê-lo. A campanha tem validade até 31 de dezembro de 2019, com prazo de pagamento até dezembro de 2020.

 

O cliente do Bandes ou avalistas de contratos em atraso poderão, por exemplo, fazer o parcelamento da dívida até dezembro de 2020. Firmado o acordo de renegociação com o pagamento de entrada, as restrições ao crédito do endividado são retiradas junto ao SPC.

 

Como renegociar?

 

Para o cliente Bandes que deseja regularizar sua situação financeira basta enviar sua proposta* por e-mail proposta@bandes.com.br para análise ou entrar em contato por meio de um dos canais de atendimento (27) 99891 7795 (whatsapp), Bandes Atende 0800 283 4202 ou pelo telefone (27) 3331 4204.

 

*As propostas enviadas terão a análise de viabilidade e enquadramento pela equipe técnica do Bandes.