Semana da “Sétima Arte” em Vitória com entrada franca

03-08-2017   Redação Imprimir

Para os aficionados pela “sétima arte”, um debate pode sempre render momentos de conhecimento e, é claro, de diversas curiosidades sobre um determinado filme. E a mostra Ciclorama: Filme & Debates chega a sua segunda temporada com uma programação imperdível.

 

Nesta  quinta-feira (03), a mostra reestreia com a exibição do clássico do neo-realismo italiano Ladrões de Bicicletas (1948), dirigido por Vittorio De Sica, e do curta-metragem "2 e meio", de 2010, do diretor capixaba Alexandre Serafini. A programação acontece no espaço cultural Palácio da Cultura Sônia Cabral, na Cidade Alta, em Vitória, às 18h30. Entrada franca.

 

Os outros filmes que serão apresentados durante o mês de agosto serão o suspense Gilda (1946), com direção de Charles Vidor, que vai contar com um bate-papo com a professora de comunicação social da UFES Gabriela Alves, e em comemoração aos 20 anos de lançamento do filme capixaba “O Amor está no Ar”, o Ciclorama além de exibir o filme vai contar com um bate-papo com o co-roteirista e assistente de Produção do longa-metragem, Marcelo Siqueira.

 

Ciclorama

Sempre no final da exibição haverá um debate com a presença de profissionais ligados ao meio do audiovisual capixaba, como pesquisadores, acadêmicos, realizadores, técnicos e produtores que abordarão diversos conteúdos que integram o conceito de cada filme. Será uma ótima oportunidade para que o público possa conversar sobre as curiosidades que envolvem as obras com grandes especialistas do assunto no Estado.

 

Programação- Ciclorama- Filmes & Debates

Local: Palácio da Cultura Sônia Cabral. Endereço: Praça João Clímaco, Cidade Alta, Vitória.

Horário: 18h30.

Entrada franca.

Os filmes são indicados para maiores de 14 anos.

 

Quinta-feira (03) - 18h30

Filme I

Ladrões de Bicicleta (Ladri di biciclette. 1947. ITA. Direção: Vittorio De Sic, preto e branco, Duração: 93 minutos. Ficção)

Convidado: Alexandre Serafini – Produtor, roteirista e diretor cinematográfico.

 

Sinopse: Após dois anos de espera, o desempregado Antonio Ricci (Lamberto Maggiorani) finalmente encontra um emprego colocando cartazes pela cidade de Roma, destruída pela Segunda Guerra. Como esse novo emprego exigia que Ricci tivesse uma bicicleta, a esposa dele, Maria (Lianella Carell), vende os lençóis de linho da família para resgatar o veículo do marido da loja de penhor. Mas no primeiro dia de Ricci no emprego a bicicleta é roubada. Assim Ricci e seu filho de 9 anos Bruno (Enzo Staiola) partem em busca da bicicleta roubada pelas ruas de Roma.

Filme II

Dois e Meio (Idem. 2010. BRA. Direção: Alexandre Serafini, Cor, Duração: 18 minutos. Ficção)

Sinopse: Com o roubo de seu carro, usado para o trabalho, Hernani, um mecânico de elevadores, toma uma atitude desesperada.

 

10 de Agosto (quinta-feira)

Filme:

Gilda (Gilda, 1946, EUA. Direção: Charles Vidor, preto e branco, Duração: 110 minutos. Ficção).

 

Sinopse: Johnny Farrell (Glenn Ford), um aventureiro americano, vai trabalhar para Ballin Mundson (George MacReady), o proprietário de um cassino ilegal na Argentina, e rapidamente desponta como gerente e seu braço direito. Tudo vai bem até que Mundson retorna de uma viagem com sua nova esposa, Gilda Rita Hayworth , uma mulher do passado de Johnny. Mundson, sem saber de seu antigo caso, designa a Farrell o trabalho de manter Gilda uma esposa fiel. Cheia de ódio, Gilda faz de tudo para antagonizar, intimidar e injetar ciúmes em Farrell - até que as circunstâncias permitam que ele se vingue.

 

Convidada: Gabriela Alves - Professora do Departamento de Comunicação Social e do Programa de Pós Graduação em Comunicação e Territorialidades da UFES.  É uma das realizadoras do Cineclube e da Mostra Feministas de Quinta e da Mostra Tereza de Benguela.  Dirigiu e roteirizou o curta metragem “C(elas)” (2017), que trata da relação entre maternidade e ambiente prisional; atualmente desenvolve roteiro de longa-metragem sobre o mesmo tema e coordena equipe que desenvolve documentário sobre a condição de refugiados no Espírito Santo.

 

24 de Agosto (quinta-feira)

Filme: O Amor Está no Ar (Idem, ES. 1997. Direção: Amylton de Almeida, Duração: 70 minutos. Ficção)

 

Convidado: Marcelo Siqueira: Co-roteirista, Assistente de Produção e 2º Assistente de Direção do filme.

 

Sinopse: Em uma emissora de rádio no Espírito Santo, Lora Berg (Eliane Giardini) comanda o "Namoro no Ar", um programa que promove encontros amorosos e entrevista pessoas que desejam encontrar o seu parceiro. Numa destas entrevistas, Lora conhece Carlos Henrique (Marcos Palmeira). Eles se envolvem e Carlos Henrique vai morar com Lora. Ela faz tudo por ele. Entretanto, em pouco tempo percebe que ele pode estar se aproveitando de sua generosidade.