Marataízes tira proveito da crise e ganha visibilidade durante Carnaval 2017

02-03-2017   Redação Imprimir

Diz um velho ditado que é nos momentos de crises que podemos mostrar do que somos capazes. Enquanto a maioria dos municípios do Espírito Santo se rendeu ao clima de insegurança pública, em Marataízes, balneário do Sul do Estado, os administradores públicos apostaram na paz.

 Resultado: o município ganhou uma visibilidade surpreendente e mostrou que um povo civilizado pode muito bem se divertir mesmo sem policiais nas ruas. A iniciativa foi do prefeito Tininho Batista (PRP), que adequou o tamanho do carnaval às condições proporcionadas pelo cenário de crise.

A medida, inicialmente vista com cautela e desconfiança, mostrou- se eficiente e garantiu para a economia local um retorno interessante. Além, claro, de gerar um clima de otimismo em relação à competência e também coragem da nova gestão municipal. Nos dias de hoje, quem não toma decisões ousadas- e as vezes inusitadas – pode estar perdendo uma boa oportunidade de conquistar confiança e respeito.

Mesmo em meio a um cenário de crise na segurança pública, o carnaval de Marataízes foi marcado por muita paz. Mas os administradores públicos locais admitem que não foi fácil colocar os blocos na rua, já que o tempo hábil para a organização da folia, era escasso.  Além disso, as atrações nacionais programadas tiveram que ser substituídas por bandas regionais e a logística de gerenciamento da festa exigiu uma estrutura criativa e preparada para enfrentar a situação.  

No final, todo mundo caiu no samba e o carnaval de Marataízes ganhou uma visibilidade muito importante para um município que se propõe a explorar o turismo como uma atividade importante para o sustento de sua economia.